Palestrantes

Ana Cristina de Rezende Chiara é doutora em Letras pela PUC-RJ, Professora Associada de Literatura Brasileira na Universidade do Estado do Rio de Janeiro desde 1995, dedica-se à pesquisa nos seguintes temas: corpo, sexualidade, memória. Interessa-se, no momento por imagens verbais, pictóricas ou plásticas que apresentem a emergência da transitoriedade das formas ou de formas corporais inéditas e, sobretudo, as possibilidades de a linguagem da arte enunciar essas formas no conjunto das transformações culturais contemporâneas. É coordenadora do GPESq Corpo & Experiência.

Frederico Coelho é doutor em Literatura Brasileira pela PUC-Rio (2008). É pesquisador do NELIM (Núcleo de Estudos de Literatura e Música) da PUC-Rio. Tem experiência nas áreas de História, Literatura e Artes Visuais, com ênfase em cultura brasileira. Trabalha como pesquisador e redator para documentários, sítios eletrônicos, editoras e instituições culturais. Entre 2009 e 2011 atuou como curador-assistente de artes visuais do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro. Desde março de 2012, é professor dos cursos de Literatura e Artes Cênicas (atual coordenador) no Departamento de Letras da PUC-Rio.

Lidoka é formada na escola da vida e teve o privilegio de ser jovem na década de 70, quando pisou pela primeira vez um palco. A partir daí, fez de tudo muito, desde cantar e dançar, nas Croquettas e em Frenéticas, fazer produção em TV, Teatro, campanha política,”muambar”, “poetar”, e muito mais, até ser hoje uma empresária de sucesso, com a Bandoca, líder do mercado das bandejas de colo.

Luiz Carlos Lacerda (Bigode) dirigiu, roteirizou e produziu os filmes Mãos Vazias (1971); O principio do prazer (1978); Leila Diniz (1988); For All – o trampolim da Vitória (1998); Viva Sapato! (2004); A morte de Narciso – sobre o fotógrafo Alair Gomes (2004); Esta pintura dispensa flores – sobre o pintor Victor Arruda (2010); Diário de Aquário – o Living Theater no Brasil (2009), CASA9 (2011), A mulher de longe (2012), entre outros. Publicou poesia em diversas antologias. Foi produtor executivo, professor e membro do Conselho de Direção da Escola Internacional de Cinema (Cuba). Realizou diversas palestras sobre o cinema brasileiro, a convite do Ministério das Relações Exteriores. Foi professor e Consultor do Curso de Cinema da Universidade Estácio de Sá. Professor do Núcleo de Cinema do Grupo Nós do Morro e do Polo do Pensamento Contemporâneo.

Luiz Carlos Maciel é escritor, jornalista, diretor de teatro, roteirista de cinema e televisão e professor. Bacharel em Filosofia, pela Faculdade de Filosofia da Universidade do Rio Grande do Sul. Estudou direção teatral e playwriting no Carnegie Institute of Technology, em Pittsburgh, USA. Assinou artigos e colunas sobre artes e espetáculos em vários jornais e revistas, como Última Hora, O Jornal, Tribuna da Imprensa, O Globo, Jornal do Brasil, Veja, etc. e foi um dos fundadores do lendário Pasquim. Foi o editor das páginas do Underground, no Pasquim, que divulgou a contracultura no Brasil.

Rodrigo Faour é jornalista, crítico, escritor, produtor, diretor, radialista, apresentador e pesquisador musical. Como jornalista, atuou cinco anos no mercado em jornais e sites; como produtor musical tem seu nome em mais de 500 títulos, entre reedições, coletâneas e inéditos; apresentou por três anos o programa Sexo MPB, na MPB FM, e três temporadas na televisão do História sexual da MPB (Canal Brasil), baseado no seu livro homônimo, sobre a evolução comportamental da MPB; por sua vez como escritor, lançou também a biografias de Cauby Peixoto, Dolores Duran e Claudette Soares, além de um livro sobre a Revista do Rádio. Já dirigiu e apresentou diversos shows reunindo a nata da MPB e é consultor do Museu da Imagem e do Som.

Rosa Dias é professora do Departamento de Filosofia da UERJ. Autora dos livros Nietzsche educador; Nietzsche e a Música; Amizade Estelar: Schopenhauer, Wagner e Nietzsche; Lupicínio e a Dor de Cotovelo e Nietzsche, vida como obra de arte. Organizadora dos livros Arte brasileira e Filosofia; Assim falou Nietzsche III: para uma filosofia do futuro e Leituras de Zaratustra.

Victor Hugo Adler é graduado em Português-Literaturas pela UFRJ (1974), Mestre em Letras pela PUC-RJ (1981) e Doutor em Letras Vernáculas-Literatura Brasileira pela Faculdade de Letras da UFRJ (1995). De 1995 a 2011 foi professor-adjunto e, a partir de 2012, professor-associado da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, onde coordena pesquisas e leciona Teoria da Literatura e disciplinas afins na graduação e pós-graduação. Desde 2002, coordena o Programa de Extensão LerUERJ nessa instituição. Os trabalhos e pesquisas baseiam-se em estudos de Literatura Comparada, Cultura Contemporânea, Teatro e Literatura Brasileira. Destacam-se livros e ensaios sobre a cultura e o poder nos anos quarenta, a obra de Nelson Rodrigues e sobre as relações entre as peculiaridades do processo de modernização no país e a produção artística e cultural moderna e contemporânea. No ano de 2012, realiza estágio de pós-doutoramento sob orientação do Prof. Dr. Renato Cordeiro Gomes no Departamento de Letras da PUC-RJ.

Anúncios